22 de janeiro de 2007

viver de arte - um inicio

Não sei no que dará esse blog...
Entrei na onda dos jornalistas da minha vida (são muitos!!!) irmão, pai e muitos amigos... Se todo jornalista precisa ter um blog (já ouvi essa frase de meus queridos!) talvez uma artista também precise. Ou queira...

Viver de arte!

Projetos, muitos. Dar aulas, dirigir uma peça infantil, atuar numa peça adulta, tentar ser assistente de professor na escola que me formei...Tenho muita coisa para falar para o mundo. Esse me parece o dever de um artista hoje em dia: gritar para uma sociedade que está quase ficando surda. Talvez alguém escute. Talvez o público compareça. Talvez vá embora no meio da peça. Talvez o espetáculo seja cancelado por falta de público, ou de verba. Mas eu quero poder falar! Mas mais do que falar, quero colocar poesia na vida das pessoas.
É dificil fazer a tal "Denúncia social" que todos os artistas pregam... Para mim, o papel do artista não é de maneira nenhuma jogar na cara da platéia o que está errado no mundo. Talvez seja dar um panorama do que está errado, mas nunca mostrar "como fazer" para aquilo virar certo. Senão vira aula ou lição de moral. E ninguém quer sair de casa para receber lição de moral. As pessoas precisam de um refresco na vida. E esse refresco pode sim conter uma denúncia, uma poesia, um riso. Não necessariamente uma peça precisa chocar, dar tapa na cara. Precisa fazer as pessoas sentirem alguma coisa. Qualquer coisa que a tire da inércia.
O refresco não está só no cinema ou na TV, minha gente! O teatro carece de público! O teatro morre sem o público.
Talvez o meu papel no mundo seja apenas trazer um pouco de alegria e poesia para a vida das pessoas que estejam interessadas... Ainda não descobri e vou morrer tentando.

7 comentários:

Pablo disse...

Alegria e poesia você já nos traz, sabe? Beijo e sorte nessa empreitada. Está no sangue mesmo...

Anônimo disse...

Palavras que saem de vc e me fazem ver vc atuando, maravilha Má, depois de ler seu blog deu vontade de criar uma trilha para uma nova peça!!
Beijo e parabéns pelo trabalho!!

Doug disse...

Ops..!
Depoimento acima é meu...esqueci de por o nome!!

Ella Kobiaco disse...

Maroca,
gostei, acredito e concordo com o que vc vem escrevendo, por favor continue... alguém precisa acreditar... e fazer alguma coisa...
Mil beijos
Ella Kobiaco

wal schneider disse...

bem..antes de tudo muito prazer em encontrar você com essa sede arte..isso me interessa.
sou artista - comediante..palhaço e famoso.
seguindo...vamos nos comunicar que preciso trocar umas idéis com você sobre essa sua visão de arte...que é muito interessante e vibrante..podemos sim, colher frutos juntos..tenho um espetáculo com garotos de comunidade carentes do rio de janeiro que toca no coração de cada brasileiro que necessita realmente dessa dose extra de expressão igual a sua...

visite o meu site:
www.soufamoso.com.br

e me escreva..temos que nos ver um dia..me identifico com sua visão totalmente..

um abraço
wal schneider (ator)

Anônimo disse...

Olá,peço liçensa para entrar aqui neste espaço tão particular.Meu nome é Mozart, sou Pedagogo e como você também sou apaixoando pelo teatro. Desenvolvo um trbalho com crianças e adolescentes em Guarulhos, é gratificante ver o progresso de cada um deles. Já apresentamos vários trabalhos. Nossos temas são voltados para o critico-social. Vou deixar meu e-mail, caso quiser trocar experiências e porque não conhecer nosso trabalho. Boa Sorte: iakap.mozart@ibest.om.br

Maria Jéssica disse...

Entra na sala, um excelente e cômico ator,um professor e tenho certeza que um grande amigo!
Como ele mesmo costuma falar,quando se é bom incomoda um pouco!
Mais foda-se ,néh wal?
Bom quero agradecer a oportunidade que deus me deu,de poder ter aula com você,mesmo que tenha sido em muito pouco tempo,já foi gratificante!
Pode ter ctz que a vontade que eu tinha de ser atriz ,agora só aumentou,graças a você!
Pois você é uma superação,um exemplo!
Obrigada por ter entrado na minha vida, e ter feito a diferença!
Beijos M° jéssica ,aquela manquetinha aki de Nova Friburgo!